22/02/2019 12h03 - Atualizado em 22/02/2019 12h03

Ministro da Casa Civil deve destinar recursos a Coronel Barros e região


Ministro da Casa Civil deve destinar recursos a Coronel Barros e região

Após uma intensa semana de encontros com deputados e senadores em Brasília, o prefeito Edison Osvaldo Arnt e o presidente da câmara de vereadores, Lucas Wottrich, retornaram ao município nesta sexta-feira (22) satisfeitos com a viagem.

Por ter uma proximidade muito grande com o Ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, o prefeito Edison atua como um interlocutor dos municípios da região da Amuplam, ou seja, encaminha ofícios e pedidos de outras administrações para que, não somente Coronel Barros, mas todos os municípios da região possam ser privilegiados com emendas. “Há muitos projetos grandes que estão por acontecer e nossa região tem muito potencial”, ressaltou o prefeito.

Sendo assim, em encontro com o chefe da Casa Civil, Arnt conta que o parlamentar comprometeu-se em disponibilizar recursos para Coronel Barros e região. Agora, a administração precisa realizar projetos e enviar à Casa Civil para liberação.

Ainda nesta semana, o chefe do Executivo confirmou uma emenda de R$ 250 mil, oriunda do Deputado Federal Jerônimo Goergen (Progressistas), para a reforma do ginásio Capitão Dunga de Coronel Barros. Segundo o prefeito Edison Arnt, o recurso deve estar disponível até outubro.

Assim como os demais, o deputado Federal Marlon Santos (PDT) comprometeu-se em direcionar a Coronel Barros uma emenda parlamentar para aquisição de equipamentos agrícolas. Os Deputados Federais Marcelo Brum (PSL) e Ronaldo Santini (PTB), assim como o Deputado Estadual Aloísio Clasmann (PT), também se prontificaram em destinar recursos.

A comitiva também esteve visitando o Deputado Federal Heitor Schuch (PSB), Pompeo de Mattos (PDT), Lucas Redecker (PSDB) e a Deputada Federal Liziane Bayer (PSB).

O prefeito Edison Osvaldo Arnt e o presidente da câmara de vereadores Lucas Wottrich, encerraram a semana com visitas a todos os gabinetes dos deputados federais e senadores do Rio Grande do Sul, além de alguns ministérios.





Enviar por e-mail Imprimir